Rússia assume controle da capital de Ossétia do Sul

domingo, 10 de agosto de 2008 10:16 BRT
 

Por James Kilner

ERGNETI, Geórgia (Reuters) - Tropas russas dominaram no domingo a maior parte da capital da região separatista Ossétia do Sul, na Geórgia, após três dias de batalhas. Os Estados Unidos condenaram a ação de Moscou como "perigosa e desproporcional".

A Rússia invadiu com tropas e tanques a pequena Geórgia após a tentativa de Tbilisi na quinta-feira à noite de retomar a Ossétia do Sul, uma pequena província pró-Rússia que se separou da Geórgia nos anos 90.

A crise, que se agravou rapidamente, alarmou os Estados Unidos, o principal aliado da Geórgia, e gerou tensões entre os investidores na Rússia, que venderam ações e dinheiro na sexta-feira temendo que o conflito se intensificasse.

Autoridades russas disseram ter tomado o controle no domingo de grande parte de Tskhinvali, a capital de Ossétia do Sul, que foi devastada por intensos combates.

"A partir de hoje a maior parte da cidade (Tskhinvali) está controlada pelas forças de paz da Rússia", disse o coronel-general russo Anatoly Nagovitsyn, em um comunicado oficial em Moscou.

A Geórgia confirmou a retirada de suas tropas da cidade. O secretário do Conselho de Segurança Nacional da Geórgia, Kakha Lomaia, disse que "comandantes militares tomaram a decisão de retirada de Tskhinvali nesta manhã".

Observada a partir de Gori, no território controlado pela Geórgia, Tskhinvali estava aparentemente tranqüila. Um correspondente da Reuters reportou ter ouvido apenas uma explosão.

Um comboio de tropas da Geórgia deixou a Ossétia do Sul via Ergneti, uma vila próxima ao território controlado pela Geórgia no sul de Tskhinvali, mas Lomaia disse que as forças georgianas ainda estavam combatenndo dentro de Ossétia do Sul e não haviam sido vencidas.   Continuação...