Líder palestino deve se reunir novamente com premiê de Israel

sexta-feira, 29 de agosto de 2008 13:46 BRT
 

JERUSALÉM (Reuters) - O presidente palestino, Mahmoud Abbas, vai se reunir novamente com o primeiro-ministro de Israel, Ehud Olmert, no domingo, disseram autoridades palestinas e israelenses.

A próxima rodada das negociações, prevista para Jerusalém, ocorrerá dias depois de uma visita da secretária de Estado dos EUA, Condoleezza Rice, que realizou poucos avanços rumo à meta de arrancar um acordo de paz limitado antes de o presidente norte-americano, George W. Bush, deixar seu cargo, em janeiro.

O negociador palestino Saeb Erekat disse à Reuters, na sexta-feira, que Abbas e Olmert se encontrariam para "rever as negociações e as questões pertinentes ao status final."

Os dirigentes também devem tratar de um processo de paz chamado de "mapa do caminho" e incentivado pelo Ocidente, afirmou Erekat. Esse processo exige que Israel paralise a ampliação dos assentamentos em territórios ocupados e que os palestinos controlem os grupos militantes.

Uma autoridade israelense confirmou que ocorreriam negociações entre Olmert e Abbas, acrescentando que a reunião se realizaria em Jerusalém.

Os líderes encontraram-se pela última vez no dia 6 de agosto. Israel libertou 198 palestinos na segunda-feira, em um gesto feito para fortalecer Abbas, um dirigente aliado de países ocidentais que enfrenta o grupo islâmico Hamas. O Hamas assumiu o controle da Faixa de Gaza no ano passado.

Analistas duvidam que a meta norte-americana de garantir um acordo até janeiro possa realizar-se já que Olmert, enfraquecido devido a acusações de corrupção, prometeu deixar o cargo quando o partido Kadima, ao qual pertence, escolher um novo líder, em setembro.

Apesar de se prever que o dirigente continuará no poder semanas depois disso na qualidade de premiê interino, a falta de respaldo político limitaria sua capacidade de tomar decisões críticas.

(Reportagem de Adam Entous em Jerusalém)