Marta e Alckmin mantêm liderança na disputa em SP, indica Ibope

domingo, 20 de julho de 2008 11:19 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A ex-prefeita Marta Suplicy (PT) e o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) estão empatados na liderança pela disputa da prefeitura de São Paulo, enquanto o atual prefeito Gilberto Kassab (DEM) aparece em terceiro, indica pesquisa Ibope encomendada pelo jornal O Estado de S. Paulo e pela TV Globo e divulgada neste domingo.

Marta obteve 34 por cento das intenções de voto e Alckmin, 31 por cento. Kassab ficou com 10 por cento, empatado tecnicamente com o deputado Paulo Maluf (PP), que teve 9 por cento. Soninha Francine (PPS) registrou 2 por cento.

Os empates técnicos são decorrentes da margem de erro da pesquisa que é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. A sondagem foi realizada entre os dias 15 e 17 julho, com 805 eleitores paulistanos.

Em um eventual segundo turno, Alckmin e Marta apresentam outro empate técnico, com 47 por cento para o tucano e 43 por cento para a petista. Alckmin venceria Kassab por 58 por cento a 23 por cento enquanto Marta ficaria à frente de Kassab por 51 por cento a 35 por cento.

Segundo o Ibope, Maluf é o candidato que tem a maior rejeição entre os eleitores: 61 por cento declararam que não votariam nele "de jeito nenhum". Marta vem a seguir com 33 por cento, seguida de Kassab com 28 por cento. Alckmin tem o mais baixo índice de rejeição, com apenas 13 por cento de eleitores que declararam que não votariam nele.

Na pesquisa espontânea, em que os eleitores mencionam um candidato sem que o entrevistador apresente nomes, Marta manteve a liderança, com 24 por cento das citações, distante de Alckmin, que teve 17 por cento. Kassab ficou com 7 por cento. Maluf teve 4 por cento das indicações e Soninha Francine, 1 por cento.

Na última quinta-feira, o Ibope divulgou uma outra pesquisa, desta vez encomendada pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas de São Paulo e Região (Setcesp), que mostra situação similar.

Em sondagem realizada entre os dias 12 e 14 de julho com 602 entrevistados e com margem de erro de quatro pontos percentuais, os dois principais candidatos também apresentam empate técnico. Marta estava com 35 por cento das intenções de voto, enquanto Alckmin atingiu 32 por cento. Kassab aparecia com 11 por cento, mesmo índice alcançado por Maluf .

(Reportagem de Carmen Munari)