Marta segue líder e Kassab abre 8 pontos sobre Alckmin em SP

quarta-feira, 1 de outubro de 2008 08:01 BRT
 

SÃO PAULO, 1o de outubro (Reuters) - O prefeito de São Paulo Gilberto Kassab (DEM) abriu oito pontos de vantagem sobre o candidato Geraldo Alckmin (PSDB) e assumiu a segunda posição na disputa pela prefeitura de São Paulo a cinco dias da eleição. A ex-prefeita Marta Suplicy (PT) segue na liderança, mostra pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira pelo jornal Folha de S.Paulo.

Kassab tem 27 por cento das intenções de voto e Alckmin, 19 por cento na pesquisa realizada segunda e terça-feira. Enquanto o prefeito cresceu três pontos em relação à sondagem dos dias 25 e 26 de setembro do instituto, o ex-governador caiu um ponto.

Na pesquisa anterior, Kassab havia se distanciado numericamente de Alckmin e nesta consolidou sua vantagem pela primeira vez.

Marta perdeu dois pontos percentuais e está com 35 por cento. Sua oscilação, no entanto, ficou dentro da margem de erro, que é de exatamente de dois pontos percentuais para mais ou para menos. A vantagem da petista sobre Kassab caiu de 13 para 8 pontos.

O ex-prefeito Paulo Maluf (PP) tem 7 por cento e a vereadora Soninha Francine (PPS) conta com 4 por cento. O deputado Ivan Valente (PSOL) tem 1 por cento e cinco outros candidatos não pontuaram, segundo o Datafolha, que ouviu 1.954 eleitores na capital.

Nas simulações de segundo turno, Kassab aparece na frente pela primeira vez na disputa com Marta. O prefeito teria 49 por cento contra 44 por cento de Marta se a eleição fosse hoje.

Na pesquisa anterior, havia empate técnico de 47 por cento para Kassab e 46 por cento para a petista. Alckmin também venceria Marta, por 49 a 44 por cento. Kassab também derrotaria Alckmin, por 46 a 41 por cento.

(Reportagem de Carmen Munari; Edição de Eduardo Simões)