Alerta do Citigroup pode sinalizar o que ainda está por vir

segunda-feira, 1 de outubro de 2007 17:42 BRT
 

Por Mark McSherry

NOVA YORK (Reuters) - O alerta do Citigroup nesta segunda-feira de que seu lucro no atual trimestre irá cair 60 por cento pode ser um sinal de muita coisa por vir para bancos e corretoras dos Estados Unidos.

O Citigroup informou que o lucro será menor por 5,9 bilhões de dólares em perdas e depreciações de ativos ligados a hipotecas de alto risco nos EUA --no chamado segmento subprime--, a dificuldades na área de renda fixa e à fraqueza em seus negócios bancários no varejo.

O alerta do maior banco norte-americano por valor de mercado veio no mesmo dia em que o suíço UBS divulgou um prejuízo de 3,4 bilhões de dólares, com o resultado afetado por fatores similares. Ainda nesta segunda-feira, o presidente-executivo do também suíço Credit Suisse disse que os resultados do terceiro trimestre serão influenciados pelas turbulências nos mercados, à medida que a crise de crédito tocou o coração da indústria financeira global.

Analista disseram que outros bancos provavelmente divulgarão alertas similares sobre seus lucros.

"Eu acredito que exista um problema sistemático de dívida e levará anos para que ele seja resolvido --e o Federal Reserve não pode resolver tais questões", disse o analista de bancos Richard Bove, da Punk Ziegel & Co.

Quando perguntado de onde deve vir o próximo alerta de lucro, Bove disse: "Certamente virá da JP Morgan, Bank of America e Merrill Lynch ".

Qualquer uma dessas instituições pode ter "grandes perdas relacionadas a suas carteiras" de ativos, acrescentou Bove.

Os anúncios dos bancos nesta segunda-feira foram os mais recentes na indústria financeira --que sofreu golpes pelo aumento da inadimplência no setor imobiliário dos EUA, dando início a uma crise global de liquidez.   Continuação...