BNDES estima desembolsos de R$ 100 bilhões em 2010

segunda-feira, 1 de outubro de 2007 18:10 BRT
 

Por Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O presidente do BNDES, Luciano Coutinho, estimou que em 2010 os empréstimos concedidos pelo banco podem alcançar 100 bilhões de reais, ante os aproximadamente 65 bilhões de reais previstos para este ano.

A meta de 100 bilhões de reais foi sugerida pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em almoço com Coutinho, nesta segunda-feira, antes de cerimônia no BNDES para anúncio de recursos a catadores de material reciclável.

Nos últimos 12 meses até setembro, os desembolsos do BNDES atingiram 62,5 bilhões de reais.

"Se mantivermos a ascensão verificada nos últimos dois, três anos, desde a época do Guido Mantega, ela pode chegar nesse nível que o presidente mencionou", disse Coutinho a jornalistas.

Durante o almoço, segundo fontes, o presidente do BNDES teria estimado um total de empréstimos em 2008 de 70,5 bilhões de reais, mas a jornalistas não confirmou a meta e disse apenas que será maior que em 2007.

Coutinho afirmou que já está negociando com o Tesouro um aumento no patrimônio de referência do banco para viabilizar a ampliação dos financiamentos nos próximos anos.

"Nós estamos em conversações com o ministro da Fazenda e com o secretário do Tesouro para capitalizar, remeter dividendos e receber em troca alguma capitalização que termina subindo o patrimônio de referência", disse.

O presidente do BNDES acrescentou que o banco pretende elevar o patrimônio de referência em 3 bilhões de reais. "Não sei se isso será feito esse ano ou ano que vem, mas será uma operação parecida com a que fizemos ano passado".