Oi e Telefônica informam êxito no início da portabilidade

segunda-feira, 1 de setembro de 2008 19:21 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - As operadoras Oi e Telefônica informaram, nesta segunda-feira, ter iniciado sem registro de problemas a oferta da portabilidade numérica em áreas de sua região.

O recurso permite que um cliente mude de operadora, dentro do mesmo DDD, e leve consigo o número da linha, fixa ou de celular.

A implantação do recurso é gradativa e começa nesta segunda-feira em oito códigos de numeração, que representam algo como 9 por cento dos assinantes de telefonia fixa e móvel do país. O processo termina em março de 2009.

A Telefônica informou, em comunicado à imprensa, ter concluído "com sucesso" a implantação da portabilidade numérica aos clientes das regiões de Bauru e de São José do Rio Preto (SP).

Segundo ela, na última fase do processo, iniciada em março deste ano, cerca de 600 técnicos da empresa trabalharam na implantação e testes dos sistemas necessários à portabilidade. O investimento realizado pela empresa em equipamentos, sistemas e atenção ao cliente foi de "mais de 100 milhões de reais", segundo ela.

A Telefônica também foi uma das companhias que optou por não cobrar do novo assinante a tarifa de portabilidade fixada pela Anatel em 4 reais. Oi, Claro e Vivo já haviam informado que não irão cobrar.

No caso da Oi, a partir desta segunda-feira o recurso está disponível nas localidades com código de numeração 27 (Vitória e adjacências), 86 (Teresina e adjacências) e 37 (Divinópolis e adjacências), segundo a companhia.

Em nota à imprensa, a Oi lembra que investiu 400 milhões de reais para tornar a opção da portabilidade disponível em sua região.

(Por Taís Fuoco, Edição de Vanessa Stelzer)