PANORAMA1-Brasil e EUA dão sinais sobre ritmo da economia

sexta-feira, 1 de agosto de 2008 07:33 BRT
 

SÃO PAULO, 1o de agosto (Reuters) - Brasil e Estados Unidos encerram a semana com importantes termômetros sobre a saúde da economia.

Por aqui, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga a produção industrial de junho e, portanto, do primeiro semestre. Analistas ouvidos pela Reuters esperam crescimento de 2,6 por cento frente a maio e de 6,4 por cento na comparação com junho do ano passado.

Nos EUA, o principal anúncio desta sexta-feira é sobre o mercado de trabalho em julho. Wall Street espera fechamento de vagas pelo sétimo mês consecutivo diante da pior crise imobiliária desde a Grande Depressão.

O setor privado surpreendeu os mercados financeiros no meio da semana com a informação de que criou 9 mil empregos neste mês. Mas os dados não impedem que o relatório do governo apresente-se mais negativo.

Esse será um dos últimos relatórios de peso antes da reunião do Federal Reserve, marcada para terça-feira.

A agenda corporativa no Brasil dá uma trégua e a Bolsa de Valores de São Paulo deve repercutir os balanços da OI TNLP4.SA e da Embraer (EMBR3.SA: Cotações), divulgados na véspera.

Para a agenda do dia, clique [nN01353208]

Veja como encerraram os principais mercados na quinta-feira:   Continuação...