Encomenda à indústria dos EUA tem maior queda desde outubro/06

quinta-feira, 2 de outubro de 2008 11:15 BRT
 

WASHINGTON, 2 de outubro (Reuters) - As encomendas à indústria norte-americana registraram uma inesperada e forte queda de 4 por cento em agosto, a contração mais acentuada desde outubro de 2006, mostrou relatório do governo divulgado nesta quinta-feira, sinal de que o congelamento do crédito começa a gerar efeitos sobre o setor manufatureiro.

Analistas consultados pela Reuters esperavam uma queda de 2,5 por cento das encomendas.

O recuo foi garantido pelo tombo de 10,6 por cento nas encomendas de veículos, a maior queda desde dezembro de 2002, informou o Departamento de Comércio.

Excluindo as encomendas ligadas ao setor de transportes, que são bastante voláteis, as encomendas à indústria dos Estados Unidos encolheram 3,3 por cento, a maior queda, neste tipo de comparação, desde setembro de 2001.

(Reportagem de Mark Felsenthal)