Bancos lideram queda do principal índice de ações europeu

segunda-feira, 2 de junho de 2008 13:13 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O principal índice das ações européias fechou em queda nesta segunda-feira, quebrando uma série positiva de três sessões, depois que a concessora britânica de hipotecas Bradford & Bingley reacendeu os temores sobre o impacto da crise de crédito na economia.

De acordo com dados preliminares, o índice FTSEurofirst 300 caiu 1,1 por cento, para 1.319 pontos.

As ações da Bradford & Bingley, uma importante casa hipotecária da Grã-Bretanha, caíram cerca de 25 por cento após a troca do presidente-executivo e a redução do preço de um aporte emergencial de capital.

"Talvez tenha sido uma espécie de despertador para o fato de que os problemas no setor financeiro não estão todos restritos ao mercado de crédito de alto risco (subprime) e que não podemos nos isolar disso. Foi algo como um tapa na cara dos investidores", disse o estrategista-chefe de mercados da IG Index, David Jones.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em baixa de 0,76 por cento, a 6.007 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,24 por cento, para 7.008 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 recuou 1,58 por cento, para 4.935 pontos.

Em MILÃO, o índice Mibtel encerrou em baixa de 1,37 por cento, a 25.247 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou perda de 2,21 por cento, para 13.300 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 teve desvalorização de 0,64 por cento, para 10.529 pontos.

(Reportagem de Amanda Cooper)