CÂMBIO-Especulação se soma a pânico por crise e dólar supera R$2

quinta-feira, 2 de outubro de 2008 17:34 BRT
 

(Texto atualizado com mais informações e comentários de analistas)

Por Fabio Gehrke

SÃO PAULO, 2 de outubro (Reuters) - O dólar fechou acima de 2 reais pela primeira vez desde agosto de 2007 nesta quinta-feira, pressionado pelas apostas dos investidores no mercado futuro contra o real em meio aos temores sobre a saúde da maior economia do mundo em um momento de incertezas sobre a eficácia do pacote de ajuda aos bancos nos Estados Unidos.

A moeda norte-americana BRBY decolou 5 por cento, a 2,021 real, maior fechamento desde 22 de agosto de 2007.

Dados sobre o mercado de trabalho e encomendas à indústria norte-americanos definiram o tom pessimista desta sessão logos nos primeiros negócios do mercado cambial.

"Não vamos ter sossego, quanto mais demora esse plano a situação se deteriora mais", afirmou Reginaldo Galhardo, gerente de câmbio da Treviso Corretora de Câmbio.

"Estamos vendo cada vez mais empresas fora do setor financeiro perdendo também", completou o gerente, lembrando o caso da General Electric que divulgou na quarta-feira que está vendendo até 15 bilhões de dólares em ações para cobrir perdas com seu braço financeiro.

Nesta quinta-feira, a Bovespa chegou a cair quase 10 por cento, refletindo os péssimos desempenhos das bolsas norte-americanas.   Continuação...