BOLSA EUROPA-Bancos ampliam altas e índices sobem

quarta-feira, 2 de julho de 2008 09:04 BRT
 

LONDRES, 2 de julho (Reuters) - As principais bolsas européias operavam em forte alta nesta quarta-feira, recuperando-se parcialmente da forte queda na véspera.

As ações de bancos se recuperavam e empresas farmacêuticas estavam em alta depois que a AstraZeneca (AZN.L: Cotações) venceu uma importante disputa de patentes.

Às 9h03 (horário de Brasília) o índice FTSEurofirst 300 index .FTEU3, que acompanha as princiais empresas européias, apresentava valorização de 1,06 por cento, para 1.188 pontos. O índice perdeu 2,2 por cento na sessão anterior devido a tensões acerca de baixas contábeis e crescentes preços do petróleo desencadeando medos de inflação.

O setor bancário, que despencou na véspera, contribuía com 4,2 pontos para o índice.

O HSBC (HSBA.L: Cotações) tinha alta de 2,4 por cento, o Deutsche Bank (DBKGn.DE: Cotações) avançava 4,8 por cento e o UBS UBSN.VX tinha alta de 4,2 por cento.

O UBS e o Deutche Bank afirmaram que não precisam mais levantar caixa extra, acalmando os receios de que mais baixas contábeis e o desaquecimento econômico possam forçar o levantamento de mais capital.

No setor farmacêutico, a AstraZeneca disparava 5,5 por cento, a GlaxoSmithKline (GSK.L: Cotações) subia 3,7 por cento e a Novartis NOVN.VX se valorizava 3 por cento.

A AstraZeneca venceu uma disputa de patentes envolvendo seu segundo medicamento mais vendido, o Seroquel, para esquizofrenia e disturbios bipolares.

Contudo, os ganhos eram limitados pelo temores de inflação fomentados pela alta do petróleo e com o euro atingindo seu maior nível frente ao dólar em dois meses, antes de importante decisão do Banco Central Europeu sobre as taxas de juros.   Continuação...