BOLSA EUROPA-Alívio de investidores puxa alta das ações

terça-feira, 2 de outubro de 2007 08:13 BRT
 

Por Amanda Cooper

LONDRES, 2 de outubro (Reuters) - As ações européias subiam nesta terça-feira em linha com os ganhos de outros ativos globais, à medida em que os investidores começam a sentir que o pior momento da crise de crédito já foi superado.

Às 7h57 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que reúne as principais ações da Europa, estava em alta de 0,69 por cento, a 1.573 pontos.

Mas nem todos os analistas estão confiantes de que os efeitos da crise de crédito tenham atingido seu pico, já que o índice de ações européias ainda está cerca de 4 por cento abaixo do recorde registrado em meados de julho, quando atingiu o maior patamar em seis anos e meio.

"Creio que ainda é precipitado dizer que acabou", afirmou Heinz-Gerd Sonnenschein, estrategista do banco alemão Postbank.

"Observamos grandes perdas no UBS, Citigroup... podemos dizer que no próximo trimestre será melhor e que o ano como um todo será bom, mas acho que estas não serão as últimas empresas que veremos com problemas vindos da crise de hipotecas", declarou.

Os investidores também estão se preparando para duas decisões de política monetária, do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco da Inglaterra, que serão tomadas na quinta-feira.

O UBS UBSN.VX estava novamente entre os maiores ganhadores da sessão, com alta de 2,40 por cento. As ações se valorizaram quase 6 por cento nos últimos dois pregões.

O Barclays (BARC.L: Cotações) subia 3,6 por cento e o BNP Paribas (BNPP.PA: Cotações) avança 2,5 por cento.   Continuação...