Ações do Santander sobem com elevação do Brasil pela S&P

sexta-feira, 2 de maio de 2008 09:46 BRT
 

MADRI (Reuters) - As ações do Santander lideravam na sexta-feira o avanço inicial do índice da bolsa de Madri, puxadas pela exposição do banco ao Brasil, que teve sua condição elevada a grau de investimento pela agência de classificação de risco Standard & Poor's.

"As ações do Santander reagiram favoravelmente à subida da classificação do Brasil, mercado que representa cerca de 30 por cento de seus lucros", disse uma operadora de uma corretora de Madri.

A Standard & Poor's elevou a classificação do Brasil a "grau de investimento" com nota "BBB-", o que, segundo o Fundo Monetário Internacional (FMI), deve estimular os fluxos de capital para o país.

"Devido ao feriado de ontem, tivemos que esperar até hoje para ter uma reação de Madri", disse outra operadora.

A operadora acrescentou que as informações da imprensa sobre um acordo do Santander com o grupo coreano Hana Financial Group, para uma aliança em fundo de investimentos, era outro fator positivo, mas não determinante para o avanço verificado nesta manhã.

Segundo o jornal Gaceta de los Negocios, o acordo com o grupo coreano cobre a Europa, a América do Sul e a Ásia.