Bernanke admite possível contração dos EUA no 1o semestre

quarta-feira, 2 de abril de 2008 10:42 BRT
 

WASHINGTON, 2 de abril (Reuters) - A economia dos Estados Unidos pode se contrair no primeiro semestre do ano, mas deve se recuperar à medida que os agressivos cortes nos juros estimulem o crescimento e que os problemas nos setores imobiliário e financeiro retrocedam, disse nesta quarta-feira o chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke.

"Agora parece provável que o Produto Interno Bruto (PIB) não cresça muito, se crescer, no primeiro semestre de 2008, e pode até se contrair levemente", afirmou em comentários preparados para discurso no Comitê Conjunto Econômico do Congresso.

"Esperamos que a atividade econômica se fortaleça no segundo semestre do ano, em parte como resultado do caráter mais expansionista das políticas monetária e fiscal; e o crescimento deve ficar em um ritmo sustentável ou um pouco acima em 2009", acrescentou.

(Reportagem de Mark Felsenthal)