Alckmin se irrita com "fofocas" da imprensa sobre Serra

terça-feira, 2 de setembro de 2008 13:52 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, Geraldo Alckmin, se irritou com perguntas relacionadas ao também tucano José Serra, governador paulista, em sabatina promovida nesta terça-feira pelo grupo Estado --dono do jornal O Estado de S. Paulo.

"É impressionante como o enfoque de alguns setores da imprensa é a fofoca da corte", disse Alckmin, após ser provocado por um jornalista sobre a atuação de secretários da antiga gestão Serra no município.

O atual governador, apesar da manisfestação pública de apoio a Alckmin protagoniza com ele um racha no PSDB paulista e apadrinha a candidatura de Gilberto Kassab (DEM), seu vice na eleição municipal anterior e atual prefeito.

"O povo não está interessado nisso", completou, sendo aplaudido por parte da platéia, composta por leitores do diário, simpatizantes de sua candidatura e jornalistas.

Em um momento anterior da sabatina, o ex-governador disse que sempre apoiou Serra e que o partido está "unido". Ele classificou o seu apoio a Serra como "decisivo" na vitória do atual governador nas eleições municipais de 2004.

Perguntado se a recíproca vale para esta eleição, ele disse que o apoio de Serra é "super importante". Na semana passada, o candidato tucano havia dito que a presença de Serra na campanha "tem efeito de solidariedade, de notícia de imprensa, mas não tem efeito prático".

(Por Silvio Cascione; Edição de Alexandre Caverni)