Após matar mais de 100 no Caribe, tempestade Noel vira furacão

sexta-feira, 2 de novembro de 2007 10:25 BRST
 

Por Michael Christie

MIAMI (Reuters) - A tempestade tropical Noel, que já matou pelo menos 108 pessoas no Caribe, ganhou força e se transformou em um furacão à medida que se afastava das Bahamas e rumava em direção às Bermudas, disseram meteorologistas norte-americanos.

De acordo com o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos, a velocidade dos ventos máximos do Noel chegou perto de 120 km/h. A tempestade é agora um furacão de categoria 1, a mais baixa na escala Saffir/Simpson.

Um aviso de furacão foi emitido para o noroeste das Bahamas, enquanto um alerta de tempestade tropical continuava a valer para a região central. Mas o centro de furacões afirmou que os alertas provavelmente serão suspensos até o fim do dia.

O território britânico das Bermudas também emitiu um alerta para ventos fortes como medida de prevenção para o caso do furacão se mover mais para o leste do que o previsto, disseram os meteorologistas norte-americanos.

O centro do Noel está a 190 km de Nassau, nas Bahamas, movimentando-se a uma velocidade de 29 km/h, de acordo com o centro. A velocidade deve aumentar nas próximas 24 horas.

 
<p>Imagem de sat&eacute;lite mostra a tempestade Noel em 1o de novembro de 2007. Noel, que j&aacute; matou pelo menos 108 pessoas no Caribe, ganhou for&ccedil;a e se transformou em um furac&atilde;o. Photo by Reuters (Handout)</p>