Violência no Quênia põe ganhos econômicos em risco, diz Bird

quinta-feira, 3 de janeiro de 2008 14:34 BRST
 

NAIRÓBI (Reuters) - A violência desencadeada no Quênia após as eleições presidenciais poderá ameaçar os impressionantes ganhos conquistados pela maior economia do leste africano, além de prejudicar economias regionais que dependem do país como parceiro comercial, alertou nesta quinta-feira o Banco Mundial.

O Bird expressou suas preocupações em um comunicado no qual afirmou refletir suas próprias opiniões e as de potências ocidentais, incluindo Estados Unidos e Grã-Bretanha, assim como a Comissão Européia.

"Eles temem que os conflitos que continuam em algumas partes do país possam ameaçar os impressionantes ganhos no crescimento econômico e na redução da pobreza", disse a nota.

Um quarto do Produto Interno Bruto (PIB) de Uganda e Ruanda e um terço do de Burundi passa pelo Quênia, incluindo commodities essenciais, de acordo com o banco.

"Por esta razão, a impacto regional da situação no Quênia pode ser significativo", disse.

(Reportagem de Bryson Hull)