Inflação em SP fica em 0,38% em setembro

sexta-feira, 3 de outubro de 2008 06:53 BRT
 

 SÃO PAULO, 3 de outubro (Reuters) - A inflação ao
consumidor em São Paulo em setembro registrou a mesma variação
verificada em agosto, reflexo de um aumento mais moderado dos
custos com Habitação e uma redução menor dos preços dos
alimentos.
 O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação
Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) subiu 0,38 por cento
no mês passado, mesma taxa apurada em agosto, mostraram dados
divulgados nesta sexta-feira.
 Economistas consultados pela Reuters previam uma taxa de
0,36 por cento, segundo a mediana e a média de 23 prognósticos,
que oscilaram de 0,32 a 0,41 por cento.
 Os custos do grupo Habitação subiram 0,72 por cento em
setembro, uma desaceleração frente ao avanço de 1,03 por cento
apurado no mês anterior.
 Mas os preços do grupo Alimentação recuaram 0,32 por cento,
uma queda menor do que a verificada em agosto, quando estes
custos sofreram uma redução de 0,49 por cento.
 Veja abaixo a variação de preços dos principais grupos de
produtos e serviços:
                       Setembro Agosto
 - Habitação:          +0,72%   +1,03%
 - Alimentação:        -0,32%   -0,49%
 - Transportes:        +0,27%   +0,29%
 - Despesas pessoais:  +0,81%   +0,75%
 - Saúde:              +0,58%   +0,44%
 - Vestuário:          +0,58%   -0,38%
 - Educação:           +0,08%   +0,12%
 O IPC mede a variação dos preços no município de São Paulo
de famílias com renda até 20 salários mínimos.