Lucro da Xstrata sobe 13%, ainda em negociações com a VALE

segunda-feira, 3 de março de 2008 07:39 BRT
 

Por Eric Onstad

LONDRES (Reuters) - A mineradora Xstrata divulgou nesta segunda-feira alta de 13 por cento no lucro líquido anual com aumento de produção e informou que ainda está buscando outras aquisições durante as negociações com a brasileira Vale .

O quinto maior grupo minerador do mundo em valor de mercado informou que o lucro líquido de 2007 subiu para 5,4 bilhões de dólares ante 4,89 bilhões de dólares em 2006. A média de nove previsões de analistas ouvidos pela Reuters Estimates era de 5,63 bilhões de dólares.

A Xstrata produziu quantidades recordes de carvão coque e térmico, ferrocromo, níquel, zinco e plantina em 2007.

A empresa espera "significativo" aumento de volumes em 2008 e terá fluxos de caixas robustos este ano por conta dos preços elevados das commodities, informou o presidente-executivo da Xstrata, Mick Davis, à Reuters.

A Xstrata informou que a receita em 2007 cresceu 12 por cento, para 28,54 bilhões de dólares, enquanto o lucro por ação antes de itens excepcionais e operações descontinuadas subiu 12 por cento, para 5,60 dólares.

Davis evitou comentar detalhes sobre as conversas com a Vale, mas informou que essas negociações não vão interromper a busca pela empresa de oportunidades, incluindo alianças para as divisões da Xstrata e também possíveis grandes acordos.

"O que estamos tentando fazer como equipe de administração é posicionar a Xstrata para capturar valor para os acionistas. Uma transação com a Vale seria interessante nesse sentido, assim como outras transações, seja estarmos em uma posição onde a Xstrata faz a compra ou seja em que a Xstrata faz a venda", afirmou o executivo.

Ele afirmou que uma fusão da companhia com a Anglo American Plc seria positiva para ambas as mineradoras, mas não se mostrou otimista em especular que um eventual acordo terá sucesso caso a Vale deixe as negociações.   Continuação...