3 de Junho de 2008 / às 18:26 / 9 anos atrás

Ibope: Marta e Alckmin lideram disputa eleitoral em SP

<p>Ibope: Marta e Alckmin lideram disputa eleitoral em SP. A ministra do Turismo, Marta Suplicy (PT), e o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) lideram a corrida pela prefeitura de S&atilde;o Paulo em pesquisa Ibope divulgada nesta ter&ccedil;a-feira. O prefeito Gilberto Kassab (DEM) aparece em um distante terceiro lugar. Foto do Arquivo. Photo by Rickey Rogers</p>

Por Maurício Savarese

SÃO PAULO (Reuters) - A ministra do Turismo, Marta Suplicy (PT), e o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) lideram a corrida pela prefeitura de São Paulo em pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira. O prefeito Gilberto Kassab (DEM) aparece em um distante terceiro lugar.

A sondagem foi encomendada ao Ibope pelo Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas de São Paulo e Região (Setcesp).

Marta, que deve deixar o ministério até quinta-feira para concorrer às eleições de outubro, tem 30 por cento, tecnicamente empatada com Alckmin, que recebeu 28 por cento das intenções de voto do paulistano. Kassab teve 13 por cento das indicações.

Dos três, apenas Alckmin teve sua candidatura oficializada pelo partido. Marta deve formalizar a candidatura na próxima sexta-feira em ato público organizado pelo PT municipal, enquanto Kassab ainda é candidato informal.

Todas as candidaturas ainda necessitam passar pelas convenções que se realizam até o final deste mês. O Ibope considera que os resultados ficarão mais claros quando os candidatos tiverem assumido claramente suas candidaturas.

“Desde que Marta e Alckmin se insinuaram como candidatos, Kassab teve seu crescimento contido”, disse a jornalistas Hélio Gastaldi, diretor de atendimento e planejamento do Ibope.

“Mas com o interesse da população aumentando nas próximas semanas e com a propaganda eleitoral, o prefeito deve melhorar (nas pesquisas)”, completou. O horário eleitoral gratuito tem início em 19 de agosto.

No mesmo cenário, Paulo Maluf (PP) teve 9 por cento das intenções, enquanto a deputada Luiza Erundina (PSB) e a vereadora Soninha Francini (PPS) receberam 3 por cento cada uma. Paulo Pereira da Silva, o Paulinho (PDT), teve 2 por cento e Ivan Valente (PSOL) e Zulaiê Cobra (PHS) tiveram 1 por cento cada.

O instituto realizou 602 entrevistas entre os dias 27 e 29 de maio e o resultado tem margem de erro de 4 pontos percentuais.

ALCKMIN BATE MARTA E KASSAB NO SEGUNDO TURNO

Em um eventual segundo turno, Alckmin bateria Marta por 50 por cento a 40 por cento. Se a disputa for com Kassab, a petista venceria por 47 por cento a 38 por cento. Se os adversários forem Alckmin e Kassab, o tucano teria 56 por cento, enquanto o prefeito ficaria com apenas 25 por cento.

Kassab, que assumiu o cargo deixado pelo atual governador José Serra (PSDB), divide a mesma faixa do eleitorado com o ex-governador.

Entre os principais pré-candidatos, Alckmin tem o menor nível de rejeição, com 14 por cento. Maluf lidera neste item (49 por cento) e em seguida aparecem Marta (31 por cento), Kassab (27 por cento), Paulinho (24 por cento) e Erundina (23 por cento).

A sondagem apontou ainda que 31 por cento dos entrevistados não têm interesse na eleição.

Pesquisa Datafolha divulgada em 18 de junho apontou Marta com 30 por cento das intenções, tecnicamente empatada com Alckmin, que teve 29 por cento. Kassab ficou com 15 por cento.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below