Alta dos mercados na Ásia faz pausa com petróleo em US$88

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007 08:22 BRST
 

Por Ian Chua

HONG KONG (Reuters) - As bolsas de valores da Ásia fizeram uma pausa nesta segunda-feira, depois de terem obtido seu melhor ganho semanal em mais de três anos na semana passada.

A pausa nos mercados ajudou o iene a ser firmar, depois do recuo de sexta-feira contra o dólar e o euro, o que fez os títulos do governo japonês avançarem.

Expectativas de corte de juro pelo Federal Reserve na reunião de 11 de dezembro ajudou a conter preocupações sobre o mercado de crédito e um aprofundamento da crise no setor imobiliário dos Estados Unidos.

"Os investidores estão andando de lado depois que o mercado se recuperou na semana passada e das preocupações maiores sobre um iene mais forte", disse Koichi Ogawa, chefe de portfólio na Daiwa SB Investments.

A bolsa de TÓQUIO encerrou em queda de 0,33 por cento, a 15.628 pontos. Enquanto isso, o índice MSCI que reúne os outros mercados da região Ásia-Pacífico exibia valorização de 0,13 por cento, a 537,56 pontos, às 8h (horário de Brasília).

Na semana passada, o indicador avançou 5,1 por cento, interrompendo série de quatro pregões de queda. Apesar disso, o índice registrou em novembro o pior desempenho mensal desde maio de 2006.

O petróleo nos EUA operava em alta de 0,18 por cento, a 88,88 dólares o barril, longe do nível recorde, perto dos 100 dólares, alcançado em 21 de novembro.

As ações de instituições financeiras na Ásia subiram em sua maioria, impulsionadas por otimismo sobre a proposta de resgate de proprietários de imóveis nos EUA.

A bolsa de SEUL recuou 0,19 por cento, a 1.902 pontos. HONG KONG ficou praticamente estável, com oscilação positiva de 0,05 por cento. Enquanto isso, XANGAI foi no sentido oposto e caiu ligeiros 0,07 por cento, seguida por TAIWAN, que teve queda de 0,03 por cento.

O mercado em CINGAPURA e SYDNEY praticamente não se mexeram, ficando em alta de 0,01 por cento cada.