Oferta de ações da BM&F gera ganho de cerca de R$222 mi ao ITAÚ

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007 10:46 BRST
 

SÃO PAULO, 3 de dezembro (Reuters) - A venda pelo Itaú de parte de sua participação na Bolsa de Mercadorias & Futuros BMEF3.SA vai gerar um efeito positivo de aproximadamente 222 milhões de reais, antes de impostos, no balanço do quarto trimestre da instituição ITAU4.SA.

Com a venda de papéis da BM&F, a participação do Itaú na bolsa caiu para 2,3 por cento "que considerando o preço de lançamento de 20 reais por ação, corresponde a um valor de mercado de 416 milhões de reais e um lucro não realizado de aproximadamente 395 milhões de reais antes de impostos", informou o Itaú em comunicado ao mercado.

As ações da BM&F estrearam na sexta-feira e fecharam a sessão em alta de 22 por cento, cotadas a 24,39 reais.

O anúncio do Itaú segue-se a comunicado do rival Bradesco BBDC4.SA, que na sexta-feira informou que terá lucro antes de impostos de 227 milhões de reais com a venda parcial de sua fatia na BM&F. O Bradesco ficou com uma participação de 2,52 por cento na bolsa.

(Reportagem de Alberto Alerigi Jr.; Edição de Renato Andrade)