PANORAMA1-Desempenho da Europa atrai atenção do mercado cambial

quarta-feira, 3 de setembro de 2008 08:02 BRT
 

SÃO PAULO, 3 de setembro (Reuters) - O mercado amanhece nesta quarta-feira com novos sinais sobre a saúde econômica da Europa.

O Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro retraiu-se em 0,2 por cento no segundo trimestre, enquanto o setor de serviços de vários países da região mostrou nova contração, mantendo abaixo da marca de 50, que divide a queda do crescimento.

Nas últimas semanas, o temor de que os efeitos da crise de crédito norte-americana estão se espalhando por outros continentes --Europa e Ásia-- afligiu os investidores e chacoalhou o mercado cambial.

Na véspera, o dólar avançou para o maior nível em 10 meses e meio diante de uma cesta das principais moedas, por conta da queda do petróleo e das persistentes preocupações sobre o desempenho das grandes economias globais.

A libra atingiu a mínima em dois anos e meio antes de se recuperar um pouco, pressionada também pela previsão da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) de que o Reino Unido pode entrar em recessão no final do ano.

Some-se a isso a expectativa pela decisão sobre o juro pelo Banco Central Europeu (BCE) e pelo Banco da Inglaterra, que ocorre na quinta-feira.

"Nesta semana, nós vamos ver muitos dados econômicos dos Estados Unidos, mas também vamos ter muitos dados mais fracos sobre a zona do euro", lembrou Andrew Busch, estrategista de câmbio do BMO Capital Markets.

Ainda nesta tarde, o Federal Reserve divulga o Livro Bege --sumário sobre as condições econômicas regionais. "(O relatório) deve nos dar a mensagemde crescimento lento e inflação elevada", avaliou George Adell, estrategista de renda fixa do Commerce Capital Markets.

  Continuação...