Mercado aposta que juro subirá a 14,50% até fim do ano

segunda-feira, 4 de agosto de 2008 08:42 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado financeiro aposta que o Banco Central vai manter a política de aperto do juro até o fim do ano, para tentar controlar a inflação, mostrou pesquisa divulgada nesta segunda-feira.

No levantamento semanal feito pelo BC, os analistas consultados elevaram para 14,50 por cento a estimativa para a taxa Selic ao final do ano, ante 14,25 por cento na semana passada.

Isso indica um aumento de 1,5 ponto percentual para as próximas três reuniões do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC em 2008.

Atualmente, a taxa Selic está em 13 por cento.

A estimativa para a inflação "oficial" do país em 2008 sofreu uma leve redução, passando de 6,58 por cento para 6,54 por cento.

Ainda assim, a estimativa para a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) está acima do teto da meta definida pelo governo.

Para o próximo ano, a estimativa para o IPCA foi mantida em 5 por cento. No caso do juro, a projeção também não foi alterada. Os analistas acreditam que a Selic estará em 14 por cento em dezembro do próximo ano.

A meta de inflação fixada para 2008 e 2009 é de 4,5 por cento, com margem de variação de 2 pontos percentuais, para cima ou para baixo. O teto da meta, portanto, é de 6,5 por cento.

(Por Renato Andrade; Edição de Vanessa Stelzer)