Produção industrial cai em 5 de 14 regiões em fevereiro

sexta-feira, 4 de abril de 2008 09:20 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A produção industrial diminuiu em 5 dos 14 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em fevereiro, sendo que São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro exerceram a pressão negativa mais relevante.

Juntos, esses três Estados respondem por cerca de 60 por cento do total da indústria brasileira. Os dados divulgados nesta sexta-feira mostraram também que Ceará, Bahia e o que o IBGE chama de região Nordeste destacaram-se entre as áreas com crescimento industrial acima do índice nacional.

No começo da semana, o IBGE informou que a produção industrial brasileira retraiu-se em fevereiro na comparação com o mês anterior, como previsto, mas subiu pelo 20o mês seguido na leitura anual.

A queda foi de 0,50 por cento sobre janeiro. Em relação a fevereiro do ano passado, houve crescimento de 9,7 por cento.

Na comparação com 2007, todos os locais pesquisados mostraram expansão --com destaque para Pernambuco e Goiás, que foram impulsionados pelo desempenho do setor de alimentos.

No ano, a atividade acumula expansão de 9,2 por cento e nos últimos 12 meses, de 6,9 por cento.