Petróleo em NY volta a ser negociado acima de US$81 o barril

quinta-feira, 4 de outubro de 2007 14:53 BRT
 

Por Richard Valdmanis

NOVA YORK, 4 de outubro (Reuters) - Os contratos futuros de petróleo nos Estados Unidos voltaram a ser negociados acima da marca de 81 dólares por barril nesta quinta-feira, depois da divulgação do aumento, um pouco menor do que o esperado, das reservas de gás natural e do declínio nos estoques de derivados.

Os dados reacenderam as preocupações sobre um aperto na oferta durante o inverno no Hemisfério Norte, afirmaram operadores.

Em Nova York, o contrato para novembro CLc1 subia 1,55 dólar, às 14h52 (horário de Brasília), cotado a 81,49 dólares o barril. O valor ainda está abaixo do recorde registrado em 20 de setembro, quando o contrato foi negociado a 83,90 dólares o barril.

Em Londres, os preços do petróleo tipo Brent LCOc1 avançava 1,84 dólar, a 79,03 dólares por barril.

Os preços da commodity nos Estados Unidos têm se mantido em patamar próximo de 80 dólares há três semanas, apesar do acordo firmado pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), no dia 11 de setembro, para elevar a produção em 500 mil barris por dia (bpd), a partir de 1o de novembro.

Os ministros da Venezuela e do Catar já descartaram a possibilidade de fazer um novo aumento.

"Esse é um mercado procurando direção", afirmou Phil Flynn, da Alaron Trading.