23 de Outubro de 2007 / às 02:03 / 10 anos atrás

PANORAMA2-Mercado brasileiro exibe recuperação apesar de cautela

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 4 de outubro (Reuters) - Os ativos brasileiros devolveram nesta quinta-feira parte das perdas registradas nos últimos dias, mas a sessão foi de volatilidade.

O principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), que na quarta-feira caiu mais de 3 por cento, conseguiu se sustentar acima dos 60 mil pontos.

A bolsa chegou a oscilar fortemente no começo da sessão, acompanhando a volatilidade das ações da Companhia Vale do Rio Doce (VALE5.SA), mas depois se desvencilhou da queda de 2,7 por cento da mineradora e ficou em território positivo.

O dólar caiu frente ao real. A recuperação das ações e do real foi permitida pela neutralidade de Wall Street, que pisou no freio à espera do relatório de sexta-feira sobre a situação do emprego nos Estados Unidos.

A expectativa com os dados, que podem ajudar a projetar o futuro da taxa de juros norte-americana, manteve as bolsas em Nova York perto da estabilidade.

Já na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), os contratos de depósito interfinanceiro (DI) abandonaram a indecisão dos últimos pregões e fecharam em alta.

O efeito da desaceleração do IGP-DI, que ficou positivo em 1,17 por cento em setembro, foi contrabalançado no mercado de juros pelo forte resultado da produção industrial --com crescimento de 1,3 por cento em agosto ante o mês anterior.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quinta-feira:

CÂMBIO BRBY

O dólar terminou a 1,825 real, em baixa de 0,82 por cento. O volume do segmento interbancário foi de 3,5 bilhões de dólares.

BOLSA .BVSP

O Ibovespa subiu 0,51 por cento, a 60.406 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 5,3 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS .BR20

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em alta de 1,06 por cento, aos 33.554 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

Os contratos de depósito interfinanceiro (DI) subiram na BM&F. O DI janeiro de 2009 avançou a 11,27 por cento, enquanto o DI janeiro de 2010 fechou a 11,31 por cento.

GLOBAL 40 BRAGLB40=RR

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subia levemente, para 134,3 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 5,55 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS 11EMJ

No final da tarde, o risco Brasil mostrava estabilidade, a 170 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 200 pontos-básicos.

BOLSAS DOS EUA

O índice Dow Jones .DJI teve variação positiva de 0,04 por cento, a 13.974 pontos. O Nasdaq .IXIC subiu 0,15 por cento, para 2.733 pontos. O índice S&P 500 .SPX exibiu alta de 0,21 por cento, aos 1.542 pontos.

TREASURIES DE 10 ANOS US10YT=RR

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, subia e o rendimento caía para 4,52 por cento no final da tarde ante 4,56 por cento na quarta-feira.

Reportagem adicional de Juliana Siqueira, Angela Bittencourt e Fabio Gehrke

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below