CÂMBIO-Dólar sobe com ajustes e monitora Bovespa e exterior

quarta-feira, 4 de junho de 2008 11:19 BRT
 

SÃO PAULO, 4 de junho (Reuters) - O dólar operava em alta nesta quarta-feira, refletindo ajustes de posição enquanto o mercado acompanha o comportamento do mercado internacional e a queda da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa).

Às 11h13, a moeda norte-americana BRBY era cotada a 1,636 real, com alta de 0,43 por cento.

De acordo com o operador de câmbio de uma corretora nacional, que preferiu não ser identificado, o mercado tem trabalhado com mau humor diante das notícias ruins sobre o banco de investimento Lehman Brothers LEH.N e do panorama incerto para a economia norte-americana.

"É todo um somatório de coisas. E a queda das commodities também está derrubando a bolsa no Brasil", disse o operador.

Às 11h13, a Bovespa .BVSP exibia queda de cerca de 1 por cento. Petrobras (PETR4.SA: Cotações) e Vale VALE5.SA eram, como no dia anterior, as principais influências negativas.

Valter Alves, operador da SLW Corretora, explicou também que as declarações do chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, sobre os efeitos da desvalorização cambial sobre a inflação, fizeram o mercado realizar alguns ajustes.

O comentário, feito na véspera, demonstrou a preocupação do banco central americano com a contínua queda do dólar. Na ocasião, a moeda recuperou valor diante do euro e do iene.

A tendência de queda do dólar no Brasil, porém, deve se reforçar nesta quarta-feira com o aumento esperado do juro. O Comitê de Política Monetária (Copom) deve elevar a Selic em pelo menos 0,50 ponto percentual, para 12,25 por cento.

(Reportagem de Silvio Cascione; Edição de Renato Andrade)