Colômbia diz que Farc queriam fabricar bomba radioativa

terça-feira, 4 de março de 2008 08:44 BRT
 

GENEBRA (Reuters) - As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) pretendiam obter material radioativo para fazer uma "bomba suja", disse o vice-presidente da Colômbia, Francisco Santos, nesta terça-feira.

Santos afirmou durante Conferência de Desarmamento da Organização das Nações Unidas (ONU), em Genebra, que arquivos encontrados nos computadores de Raúl Reyes, o número dois das Farc, mostraram que o grupo estava em negociação para adquirir material radioativo com a intenção de construir uma bomba.

A Colômbia disse no sábado que suas tropas haviam matado Reyes em uma operação dentro do território do Equador. O incidente provocou uma enorme tensão diplomática entre Colômbia, Equador e Venezuela.

(Reportagem de Jonathan Lynn)