BOLSA ÁSIA-Petróleo e temores econômicos derrubam mercados

segunda-feira, 4 de agosto de 2008 08:06 BRT
 

Por Rafael Nam

HONG KONG, 4 de agosto (Reuters) - As principais bolsas asiáticas tiveram uma segunda-feira de queda, com o petróleo voltando a ficar acima de 126 dólares o barril, revivendo os temores de inflação enquanto já se prevê que grandes economias como Estados Unidos e Japão caminham para tempos difíceis.

Às 8h (horário de Brasília) o índice MSCI da Ásia Pacífico exceto Japão .MIAPJ0000PUS apresentava desvalorização de 0,93 por cento, aos 409 pontos.

Um aumento do prejuízo da montadora General Motors (GM.N: Cotações) e uma contração no número de empregos nos Estados Unidos fomentaram temores sobre a demanda das empresa asiáticas, que dependem da economia norte-americana.

A confluência de fatores negativos estão apontando para um período contínuo de volatilidade nos mercados, afirmaram analistas.

"O ainda alto preço do petróleo, desaquecimento virtualmente em todo lugar, redução dos lucros, temores de inflação e aperto contínuo no crédito são problemas de curto prazo para as ações e devem criar dificuldades", afirmou Shane Oliver, economista-chefe no AMP Capital Investors, em Sydney.

O índice Nikkei .N225 da bolsa de Tóquio fechou com queda de 1,23 por cento, aos 12.933 pontos, com as montadoras Honda Motor (7267.T: Cotações) e Toyota Motor (7203.T: Cotações) recuando por temores sobre a demanda menor dos Estados Unidos afetando as empresas. A Honda perdeu mais de 5 por cento, enquanto a Toyota recuou 4 por cento.

Na Coréia do Sul .KS11, a bolsa teve baixa de 1,95 por cento, para 1.543 pontos, depois que uma leva de cancelamentos de pedidos de navios derrubou as ações das fabricantes Daewoo Shipbuilding e Marine Engineering 042660.KS.

As bolsas de Xangai .SSEC, Cingapura .FTSTI e Hong Kong .HSI fecharam com queda de 1 por cento.

Na Austrália .AXJO o mercado perdeu 0,33 por cento, para 4.887 pontos.