AGENDA POLÍTICA-Lula vai a Pequim e Câmara retoma CPI do Grampo

segunda-feira, 4 de agosto de 2008 18:59 BRT
 

SÃO PAULO, 4 de agosto (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva viaja na terça-feira para Pequim, onde participa da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, na sexta-feira. Antes, Lula tem encontro com o presidente chinês Hu Jintao e com integrantes da delegação brasileira.

Em Brasília, o Congresso retoma os trabalhos após o recesso, e na quarta-feira a CPI das Escutas Telefônicas, na Câmara, ouve o delegado da Polícia Federal, Protógenes Queiroz, que comandou o inquérito da Operação Satiagraha.

Na ação da PF foram presos o banqueiro Daniel Dantas, o investidor Naji Nahas e o ex-prefeito de São Paulo, Celso Pitta, sob a acusação dos crimes de formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta e evasão de divisas. Dantas também responde por tentativa de suborno de um delegado da PF. Todos foram soltos posteriormente por decisão do Supremo Tribunal Federal.

TERÇA-FEIRA

-- O presidente Lula embarca para Pequim às 8h, com previsão de chegada às 19h (horário local) da quarta-feira. A diferença de fuso é de 11 horas.

-- O presidente do Senado, Garibaldi Alves, se reúne com os líderes partidários, às 14h30, para definir as matérias que devem integrar a pauta de votações no período de campanha para as eleições municipais.

-- O Senado tem a pauta do plenário obstruída por três medidas provisórias: a MP-427, que inscreve novas ferrovias no Plano Nacional de Viação (PNV) e amplia o traçado de outras já existentes; a MP-428, que altera a legislação tributária federal, reduzindo o prazo para aproveitamento dos créditos relativos a bens de capital, do PIS/PASEP e da Cofins, entre outras medidas; e a MP-429, que autoriza a União a participar do Fundo de Garantia para a Construção Naval (FCGN) com até R$ 1 bilhão.

QUARTA-FEIRA   Continuação...