ATUALIZA-UBS reduz recomendação para PETROBRAS para "neutro"

segunda-feira, 5 de novembro de 2007 12:45 BRST
 

(Texto atualizado com mais informações e declarações)

SÃO PAULO, 5 de novembro (Reuters) - O UBS Pactual reduziu nesta segunda-feira sua recomendação para as ações da Petrobras (PETR4.SA: Cotações) de "compra" para "neutro", indicando a dificuldade dos preços do petróleo subirem muito mais do que já subiram.

O UBS informou em relatório enviado a clientes, ao qual a Reuters teve acesso, que o desempenho da Petrobras nos últimos meses foi superior ao das outras empresas do setor e que vê potencial limitado para que a ação suba muito mais daqui para frente.

"Nos últimos 3 meses a Petrobras subiu 54 por cento em dólar, superando a maior parte de suas concorrentes. Acreditamos que uma parte dessa performance pode ser atribuída à confiança do investirdor, mas que uma grande parte se refere ao recente rali no mercado de petróleo", disse o banco.

"Continuamos positivos sobre o cenário para a Petrobras no período dos próximos 12 meses... mas considerando nosso pensamento de longo prazo do barril de petróleo a 50 dólares o barril nós vemos um potencial de alta limitado para a ação", acrescentou o relatório.

Mas o UBS, acompanhando o recente desempenho da ação e citando as perspectivas de aumento de produção com novas plataformas, elevou o preço-alvo da Petrobrás em 29 por cento, para 86,3 reais, ante projeção anterior de 67,1 reais.

Por volta das 12h30 desta segunda-feira, as ações da Petrobras na Bovespa caíam 4,5 por cento, para pouco mais de 68 reais, enquanto o índice da bolsa caía 1,9 por cento.