Preço da energia cai com chuvas e PETROBRAS pode gerar menos

segunda-feira, 5 de novembro de 2007 15:51 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - As chuvas que caíram sobre a região Sudeste no fim de semana ajudaram a reduzir o preço da energia elétrica no sistema brasileiro, de 232 reais o megawatt médio praticado na semana passada para 214 reais o megawatt médio nesta segunda-feira, informou o Operador Nacional do Sistema (ONS).

Com isso, foi reduzida a necessidade de geração de energia por meio de usinas térmicas, informou o ONS.

Segundo o operador, a Petrobras está gerando 1.200 megawatts médios nesta segunda, cerca de 600 megawatts a menos do que na semana passada. Estão em operação as usinas Termorio (RJ), Ibirité (MG), Nova Piratininga (SP) e Araucária (PR).

O ONS não soube informar se as chuvas foram suficientes para reduzir a entrada de térmicas por um longo prazo e, por consequência, limitar o uso do gás natural pelas usinas.

Na semana passada, a Petrobras chegou a reduzir o fornecimento de gás natural às distribuidoras, pois teve que atender o pedido do ONS para despacho da energia de usinas térmicas e não possuía combustível suficiente para os dois mercados.