Ações de GOL e TAM disparam animadas pela queda do petróleo

terça-feira, 5 de agosto de 2008 14:19 BRT
 

Por Rodolfo Barbosa

SÃO PAULO, 5 de agosto (Reuters) - Com o barril do petróleo caindo para 120 dólares, as ações das maiores companhias aéreas brasileiras encontravam força para uma recuperação nesta terça-feira.

Às 14h10 (horário de Brasília), as ações da TAM TAMM4.SA disparavam 6,2 por cento, para 33,87 reais, enquanto os papéis da Gol (GOLL4.SA: Cotações) tinham valorização de 12,0 por cento, para 18,42 reais.

Eram as duas maiores altas do Ibovespa .BVSP, que subia 1,8 por cento, nesta sessão.

Segundo profissionais do mercado, os crescentes custos que as duas maiores companhias aéreas do país vem acumulando com a alta do petróleo vinham afetando as operações.

Assim, a partir do momento em que a commodity iniciou trajetória de queda depois do recorde de 147 dólares em meados de julho, o mercado passou a ver com melhores olhos as ações do setor.

"Essas empresas têm suas funções muito ligadas ao petróleo. E como nos balanços o que veio pesando mesmo foi só o petróleo, elas voltaram a ficar atraentes", explicou Júnior Hydalgo, da Trust Investimentos.

Até o fechamento de segunda-feira, as ações da Gol acumulavam queda de 62 por cento no ano, enquanto os papéis da TAM tinha baixa de 25 por cento.

"O petróleo ajuda, e elas aproveitam também para corrigir esse exagero negativo visto no prazo mais longo. Basta olhar que, mesmo quando houve a onda do grau de investimento (do Brasil), elas não subiram tanto", apontou o operador de uma corretora, que preferiu não se identificar.   Continuação...