PANORAMA2-Fed previsível e petróleo em baixa impulsionam ações

terça-feira, 5 de agosto de 2008 17:38 BRT
 

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 5 de agosto (Reuters) - O Federal Reserve confirmou a expectativa do mercado e manteve nesta terça-feira o juro dos Estados Unidos em 2,0 por cento ao ano. Sem surpresa, as bolsas de valores em Nova York --já animadas com a queda do petróleo-- ganharam impulso e fecharam em alta de quase 3 por cento.

"A grande notícia para o mercado, praticamente mais do que a decisão do Fed, é o petróleo. O Fed está tendo um pouco de alívio porque o petróleo (que está abaixo de 120 dólares) e as commodities estão caindo", disse Len Blum, diretor-gerente da Westwood Capital, em Nova York.

O índice Reuters-Jefferies CRB .CRB de commodities caiu abaixo de 400 pontos pela primeira vez desde maio. A queda do preço das matérias-primas também favoreceu ajustes no mercado global de câmbio, com o dólar recuperando terreno ante o euro e outras moedas, como o real.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), sustentada pelas ações de bancos e do setor aéreo, interrompeu a sequência de três pregões de baixa.

Além disso, o petróleo mais barato diminui a pressão sobre os preços em todo o mundo. Com os índices de inflação mostrando desaceleração, os juros futuros fecharam em baixa na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F).

Veja como encerraram os principais mercados nesta terça-feira:

CÂMBIO BRBY   Continuação...