Para Trichet, inflação alta é fenômeno global

segunda-feira, 5 de maio de 2008 10:10 BRT
 

BASILÉIA, Suíça (Reuters) - A alta no preço dos alimentos e das commodities estão impulsionando a inflação pelo mundo e não deixam espaço para complacência, afirmaram autoridades nesta segunda-feira após conversas no Banco Internacional de Compensações (BIS na sigla em inglês).

Concluindo as discussões entre autoridades do banco central de economias desenvolvidas e emergentes, o presidente do Banco Central Europeu (BCE), Jean-Claude Trichet, que preside a reunião bimestral sobre Economia Global, afirmou que a inflação alta é uma preocupação pelo mundo todo.

"Os riscos de inflação são significativos sob a influência que é observada por absolutamente todas as economias, da sucessão de altas nos preços do petróleo e energia, o aumento nas commodities e nos produtos alimentícios e agrários. Isso é percebido em todas as economias sem exceção".

"O preço dos alimentos é uma questão que mencionamos constantemente. É um elemento adicional somado ao preço da energia, preços dos metais e preços de commodities e isso é realmente em nível global e um fenômeno muito importante" afirmou Trichet em entrevista à imprensa.

"Colegas em nível global consideraram que essa não é a hora para complacência dos bancos centrais em qualquer aspecto", afirmou.

Diretores de bancos centrais observaram uma melhora em alguns segmentos de mercado -- incluindo o mercado de ações e taxas de permuta de crédito -- mais ainda há tensões nos mercados monetários apesar da coordenação dos bancos centrais em ações de liquidez.

As tensões podem ser relativas ao desejo dos participantes do mercado de se ater a reservas de caixa apesar da diminuição no risco do crédito.

Os bancos centrais não discutiram nenhuma nova medida para injetar fundos extras nos mercados.

As conversas também não mencionaram taxas de câmbio, apesar de Trichet ter afirmado que o G7 tornou clara suas posições sobre o câmbio em ocasiões anteriores.

(Reportagem de Krista Hughes e David Milliken)