AGENDA POLÍTICA-Senadores tentam questionar Dilma sobre dossiê

segunda-feira, 5 de maio de 2008 12:44 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) comparece na quarta-feira à Comissão de Infra-Estrutura do Senado.

O motivo oficial da convocação são esclarecimentos sobre obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Os senadores oposicionistas, no entanto, devem aproveitar a presença da ministra para questioná-la sobre sua suposta participação, ou de seus assessores, na elaboração e no vazamento de um dossiê com informações sigilosas sobre gastos com cartões corporativos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

O requerimento foi aprovado pela comissão presidida pelo senador tucano Marconi Perillo (GO) em 3 de abril.

A seguir os principais eventos da semana.

SEGUNDA-FEIRA

-- O presidente Luiz Inácio Lula da Silva cumpre agenda em Teresina (PI), onde inaugura um hospital de atendimento de urgência e um centro de reabilitação de deficientes. Também dá início a obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), convidado pelo governador piauiense Wellington Dias (PT), acompanha o presidente.

-- Entrevista concedida pelo presidente Lula ao Jornal da Cultura, da TV Cultura, vai ao ar às 22 horas.

-- Um grupo de parlamentares brasileiros defenderá em reunião da Comissão de Energia do Parlamento Europeu, em Bruxelas, entre os dias 5 e 8 de maio, a sustentabilidade dos biocombustíveis. O coordenador, deputado Antonio Carlos Mendes Thame (PSDB-SP), defende o país das críticas de que o avanço dos biocombustíveis contribui para a alta do preço dos alimentos.

-- Reunido a partir de 19h em São Paulo, o diretório municipal do PSDB prevê homologar a candidatura de Geraldo Alckmin à prefeitura da capital. Tucanos pró-kassab prometem reagir junto ao diretório.   Continuação...