Hillary cogita chapa única com Obama nas eleições

quarta-feira, 5 de março de 2008 15:23 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - Animada pelas vitórias nas últimas prévias que revitalizaram sua campanha presidencial, a senadora Hillary Clinton cogitou nesta quarta-feira formar uma chapa única democrata com o adversário Barack Obama.

Em duas entrevistas para emissoras de televisão, horas após as vitórias nas primárias de Texas e Ohio, que recuperaram sua força na disputa pela indicação do partido, Hillary foi perguntada sobre a possibilidade de uma chapa única com o senador de Illinois.

"Bem, isso pode ser pensado, mas é claro que precisamos decidir quem estará à frente da chapa", disse a ex-primeira-dama à rede CBS. "E acho que as pessoas de Ohio disseram muito claramente que deveria ser eu."

Em entrevista com a MSNBC, Hillary lembrou que tanto ela como Obama foram perguntados se escolheriam um ao outro como seus vices na disputa presidencial de novembro.

"Obviamente, é prematuro para qualquer um de nós resolver isso", disse ela. "Há muitos interesses ... nisso. Muitos democratas esperam por isso. Temos que pôr em ordem esse processo de nomeação para vermos... quem acaba como escolhido".

Hillary acrescentou: "Mas vamos montar uma chapa vencedora. A coisa mais importante é vencer em novembro."

Obama não comentou sobre uma chapa única. "Eu disse antes, respeito a senadora Clinton como uma servidora pública, uma adversária firme. Acho que é muito prematuro começar a falar sobre uma chapa única", disse ele a repórteres, antes de embarcar de San Antonio para Chicago.

Num debate em Los Angeles no final de janeiro, Obama e Hillary sorriram juntos quanto perguntados se disputariam as eleições numa parceria Obama-Clinton ou Clinton-Obama.

"Obviamente há uma grande diferença entre nós dois", disse Obama no debate de 31 de janeiro. "Tenho certeza que Hillary estaria na lista de qualquer um."

(Reportagem de Deborah Charles)