Setor automotivo no Brasil prevê mais um recorde em 2008

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007 16:59 BRST
 

Por Vanessa Stelzer

SÃO PAULO (Reuters) - A demanda interna garantirá ao setor automotivo em 2008 o terceiro ano seguido de recorde na produção e a segunda melhor marca anual em vendas, segundo estimativas da indústria.

Perto do limite da capacidade instalada, o setor garante investimentos diante do crescimento, afirmou nesta quinta-feira o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Jackson Schneider. Ele já contabiliza 10 bilhões de reais anunciados para investimentos nos próximos três anos.

Ao divulgar os dados do setor referentes a novembro, nesta quinta-feira, a Anfavea informou leve aumento em suas previsões para este ano e divulgou os prognósticos para 2008.

"O crescimento vem sendo muito influenciado pela expansão do crédito, tanto em termos de volume como de condições, pela queda dos juros e pela estabilidade macroeconômica do país", disse Schneider.

A estimativa para este ano é de aumento de 27 por cento das vendas, para 2,450 milhões de unidades. Para a produção, a Anfavea espera alta de 13,9 por cento, a 2,975 milhões.

Já o prognóstico para as exportações é de queda de 7,5 por cento em volume e de alta de 7,4 por cento em valor.

Em 2008, as vendas devem crescer 17,5 por cento, para 2,88 milhões de unidades. Para a produção, a previsão é de crescimento de 8,9 por cento no próximo ano, com 3,24 milhões de unidades. As exportações devem cair 5,1 por cento em volume, para 740 mil veículos, e apresentar estabilidade em valor.

"Os dados para 2008 apontam para a continuidade de um momento muito positivo do setor. E o setor vai investir. A decisão de investimentos está na mesa de várias montadoras e deve sair da mesa", afirmou Schneider.   Continuação...