Otimismo sobre resgate hipotecário faz Wall St subir

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007 20:13 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - As bolsas de valores dos Estados Unidos fecharam em alta nesta quinta-feira, devido ao otimismo do mercado de que um plano do governo para conter as execuções hipotecárias evite uma recessão na economia.

O plano foi anunciado pelo presidente norte-americano, George W. Bush, nesta tarde.

O índice Dow Jones subiu 1,30 por cento, a 13.619 pontos. O Standard & Poor's 500 teve alta de 1,50 por cento, para 1.507 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq avançou 1,60 por cento, a 2.709 pontos.

Bush disse que até 1,2 milhão de donos de moradias podem se beneficiar do plano de assistência, que inclui um congelamento na taxa de juro cobrada por concessoras de hipotecas a alguns dos mais afetados tomadores de empréstimo.

Investidores foram atrás de ações das companhias mais atingidas, incluindo construtoras, bancos e outras companhias financeiras. Os papéis da Countrywide Financial, maior concessora de hipotecas dos EUA, e a KB Home, quinta maior empresa de construção de moradias, subiram 16,1 por cento cada.

"O plano de hipotecas é uma dispersão do pânico. Ele neutraliza o pânico, e é isso que o mercado está refletido", disse Doug Roberts, estrategista de investimentos da Channel Capital Research, em Nova Jersey.

"No momento, parece mais um cenário de desaceleração para a economia do que uma situação na qual vamos cair de um penhasco. Ao mesmo tempo, estamos vendo vibrações positivas do Federal Reserve", disse Roberts, referindo-se a um possível corte na taxa básica de juros.

(Reportagem de Ellis Mnyandu)