Mercado mantém projeção de Selic em 11,25% após ata

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008 13:23 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado financeiro manteve em 11,25 por cento sua projeção para a Selic no final de 2008, apesar do tom mais duro adotado pelo Comitê de Política Monetária (Copom) na ata divulgada na última semana.

O prognóstico de estabilidade do juro básico consta do relatório Focus do Banco Central divulgado nesta quarta-feira.

Na ata, o Copom disse estar preparado para agir caso a inflação se afaste da meta. Analistas interpretaram que, com o recado, o Banco Central deixou a porta aberta para um aumento da Selic caso o cenário econômico se deteriore.

As previsões para a inflação, levantadas no Focus junto a cerca de 100 instituições financeiras, mostraram estabilidade.

A projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) neste ano oscilou de 4,45 por cento para 4,44 por cento. O prognóstico para a inflação em 2009 ficou estável em 4,20 por cento.

Ambos as projeções seguem abaixo do centro da meta de inflação perseguido pelo governo, de 4,5 por cento.

A estimativa para o déficit em transações correntes neste ano aumentou pela décima semana consecutiva e atingiu 7,10 bilhões de dólares, ante 6 bilhões de dólares na semana anterior.

Para a balança comercial, a estimativa foi mantida em superávit de 30 bilhões de dólares neste ano.

Na sexta-feira, dados do governo mostraram que a balança comercial teve, em janeiro, o superávit comercial mais baixo em mais de cinco anos.

(Reportagem de Isabel Versiani)