PANORAMA1-Europa define juro e traz pistas sobre economia global

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008 08:00 BRST
 

SÃO PAULO, 7 de fevereiro (Reuters) - Decisões sobre juro pela Europa dominam a agenda desta quinta-feira.

A expectativa da maioria dos analistas ouvidos pela Reuters é de manutenção da taxa básica da zona do euro em 4,0 por cento. Para eles, a elevada inflação impedirá o Banco Central Europeu (BCE) de seguir os passos do Federal Reserve com corte agressivo do juro.

Para a decisão do Banco da Inglaterra, a expectativa é de corte de 0,25 ponto percentual, para 5,25 por cento.

No Brasil, os mercados financeiros continuarão atentos aos sinais de recessão nos Estados Unidos depois de terem se ajustado à queda das principais bolsas internacionais durante o feriado de Carnaval.

COMMODITIES E ENERGIA

O mercado de grãos mantém o foco nas previsões meteorológicas para o Mato Grosso, onde chuvas contínuas começam a prejudicar a qualidade da soja pronta para ser colhida --um fator de suporte para os futuros da oleaginosa em Chicago nos últimos dias.

O mercado também ajusta suas posições antes do relatório do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) sobre os estoques de grãos norte-americanos, que deve ser divulgado na sexta-feira.

No Brasil, além do clima, traders devem avaliar as opções para a importação de trigo fora do Mercosul, após a redução para zero da alíquota de importação.   Continuação...