VCP dá primeiro passo para fusão com Aracruz

quarta-feira, 6 de agosto de 2008 12:56 BRT
 

Por Renato Andrade

SÃO PAULO (Reuters) - A Votorantim Celulose e Papel anunciou nesta quarta-feira o primeiro passo concreto na tentativa de fundir suas operações com a Aracruz, maior produtora de celulose de eucalipto do mundo.

Em comunicado ao mercado, a VCP informou que vai comprar 127.506.457 ações ordinárias da Aracruz que estão em poder da Arapar S.A., que integra o bloco de controle da empresa.

As ações representam 28 por cento do capital votante da Aracruz ou 12,4 por cento do capital total. A VCP já detém 28 por cento de participação na Aracruz. O valor global da aquisição somará 2,71 bilhões de reais.

"Os ganhos de escala e os benefícios operacionais e administrativos criarão uma companhia com o menor cash cost de produção de celulose do mundo e sinergias totais estimadas em aproximadamente 4,5 bilhões de reais", afirmou a VCP em comunicado divulgado em seu site na Internet.

O movimento feito pela VCP foi bem recebido no mercado.

As ações da VCP subiam 6,24 por cento, para 38,80 reais, às 12h37. No início do pregão, os papéis chegaram a subir mais de 8 por cento na Bolsa de Valores de São Paulo, reagindo ao comunicado.

No caso da Aracruz, as ações caíam 0,10 por cento, para 10,50 reais, mas elas chegaram a recuar mais de 4 por cento nos primeiros negócios.

"Vem em linha com o plano estratégico da VCP de se tornar a maior empresa fornecedora de celulose de eucalipto do Brasil", afirmou Peter Ping Ho, analista do setor de papel e celulose da Corretora Planner, em São Paulo.   Continuação...