Presidente do Equador pede que Grupo do Rio condene Colômbia

quinta-feira, 6 de março de 2008 15:58 BRT
 

MANÁGUA (Reuters) - O presidente do Equador, Rafael Correa, pediu nesta quinta-feira ao Grupo do Rio que condene a Colômbia pelo o que classificou de "invasão" a seu território, referindo-se a uma incursão militar do país vizinho dentro de território equatoriano que resultou na morte de um líder guerrilheiro.

"Temos que tomar decisões amanhã em Santo Domingo: condenar claramente a agressão colombiana ao Equador e obrigar esse governo para que nunca mais se atreva a agredir um país irmão", disse Correa, em Nicarágua, junto ao presidente Daniel Ortega.

A 10a Cúpula do Grupo do Rio acontecerá na sexta-feira em Santo Domingo, onde é esperado um diálogo entre países-membros que acabe com as tensões do conflito diplomático, que também inclui a Venezuela.

(Reportagem de Iván Castro)