Embraer diz que crise da BRA não afeta previsões de entrega

quarta-feira, 7 de novembro de 2007 12:53 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Embraer informou nesta quarta-feira que possíveis desdobramentos em relação aos problemas sofridos pela companhia aérea BRA não afetam as previsões de entrega da fabricante de aviões.

"A Embraer informa que acompanha com atenção a evolução do assunto e esclarece, ainda, que possíveis desdobramentos deste tema não afetarão negativamente previsões de entregas anteriormente divulgadas", afirmou a empresa em comunicado.

Em junho, a Embraer anunciou que a BRA tinha feito encomenda firme por 20 aviões Embraer 195, com opção de compra de outras 20 unidades do mesmo modelo. O início das entregas estava previsto para o segundo semestre de 2008.

A BRA enfrenta grave crise financeira e anunciou na terça-feira a interrupção de todos os vôos e demissão de seus 1.100 funcionários.

Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) de setembro, a empresa tinha 4,6 por cento do mercado doméstico, à frente da Ocean Air, que estava com 2,61 por cento.

A TAM anunciou nesta quarta-feira que aceitará os bilhetes já emitidos pela BRA para destinos domésticos e internacionais.

As ações da Embraer recuavam 0,94 por cento, para 21,05 reais no fim da manhã, enquanto as da TAM perdiam 0,79 por cento, para 51,24 reais, após forte alta na véspera. Já o Ibovespa operava perto da estabilidade.