7 de Dezembro de 2007 / às 16:39 / 10 anos atrás

ATUALIZA2-VALE projeta fortes aumentos de produção até 2012

(Texto atualizado com mais informações e declarações)

Por Denise Luna

RIO DE JANEIRO, 7 de dezembro (Reuters) - A produção da Vale (VALE5.SA) vai crescer 25 milhões de toneladas em 2008, sobre os 300 milhões de toneladas previstas para este ano, devido ao esgotamento de algumas minas e a falta de entrada de novos projetos no exercício.

Em 2012, no entanto, a mineradora dará um salto para 422 milhões de toneladas, fruto do investimento de 59 bilhões de dólares previstos para os próximos cinco anos.

"Nós temos algumas minas que estão em processo de desativação e outras que estão entrando, mas 25 milhões de toneladas é mais do que muitos projetos que você tem ouvido por aí", disse o diretor de Ferrosos da Vale, José Carlos Martins, depois de almoço com jornalistas, rebatendo a idéia que a produção de 2008 seria pequena.

Martins lembrou que no final de 2012 a empresa terá uma capacidade instalada de 450 milhões de toneladas, decorrente do plano de investimento 2008-2012, e que novas minas entrarão em operação nesse período.

Ele informou que a diretoria vai apresentar ao Conselho de Administração proposta para a expansão da mina de Brucutu, em Minas Gerais, inaugurada no ano passado, e que produz atualmente 25 milhões de toneladas. "Vamos aumentar em 5 milhões (de toneladas)", anunciou.

Outro projeto, mas que será apresentado ao Conselho apenas em 2009, será a mina Maquiné-Baú, também em Minas, que terá a mesma capacidade de Brucutu e possui cerca de 1 bilhão de toneladas de reservas.

"Deveremos anunciar novos investimentos em Minas Gerais, temos vários projetos por lá", disse Martins, citando uma mina em Itabira que tambem deverá ter expansão de 5 milhões de toneladas.

Além do minério, a Vale tem investido fortemente em níquel, mercado do qual pretende ser líder após ter adquirido a produtora canadense Inco no ano passado.

A estimativa para a produção global de níquel é de que atingirá 507 mil toneladas em 2012, contra 260 mil toneladas atualmente. A previsão para 2008 é de uma produção de níquel de 280 mil toneladas.

A Vale informou ainda que a produção de cobre subirá para 592 mil toneladas em 2012, ante 290 mil toneladas em 2007. Para 2008, a projeção é de 300 mil toneladas.

A mineradora brasileira previu um forte incremento na produção de carvão, dos atuais 2,9 milhões de toneladas para 7,6 milhões de toneladas em 2008 e 15,2 milhões em 2012.

"Vamos viabilizar o crescimento da siderurgia brasileira com o nosso carvão", disse no mesmo evento o presidente da Vale, Roger Agnelli.

Locomotiva da vinda de siderúrgicas estrangeiras para o Brasil, como Baosteel, ThyssenKrupp, Donkuk, entre outras, a Vale está negociando a entrada de mais uma parceira no setor, para um alto-forno de 5 milhões de toneladas, o quinto projeto siderúrgico que traria para o Brasil.

"Estamos conversando, depende da vontade do nosso cliente", disse Agnelli sem dar detalhes.

Ele voltou a criticar a Usiminas USIM5.SA, onde é sócio, por demorar a decidir pela expansão de produção, afirmando que apesar da empresa ter caixa só tem feitos investimentos tímidos em manutenção.

"Não é de hoje que queremos que a Usiminas cresça de forma rápida, o desejo da Vale é que ela faça investimentos, mas a diretoria (da Usiminas) é que tem que avaliar", afirmou.

A Vale prevê ainda que a produção de alumina passará de 4,3 milhões de toneladas neste ano para 5,3 milhões em 2008 e 8,2 milhões de toneladas em 2012.

Detalhando os investimentos, a Vale infromou que vai investir 11 bilhões de dólares em 2008, 14,74 bilhões de dólares em 2009, 15 bilhões em 2010, 11,4 bilhões de dólares em 2011 e 6,7 bilhões em 2012.

Reportagem de Denise Luna; Edição de Marcelo Teixeira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below