Mercado vê inflação de 4,39% em 2007

segunda-feira, 7 de janeiro de 2008 09:14 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado financeiro elevou seu prognóstico para a inflação do Brasil no ano de 2007, mas manteve a estimativa para 2008, segundo relatório Focus do Banco Central divulgado nesta segunda-feira.

A previsão para a inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado em 2007 aumentou de 4,36 por cento há 1 semana para 4,39 por cento.

Em 2008, o mercado continua a ver uma inflação de 4,30 por cento.

Ambos os números seguem abaixo do centro da meta de inflação perseguido pelo governo, de 4,5 por cento.

Para o avanço do Produto Interno Bruto (PIB) em 2007 a projeção foi ligeiramente revista, de 5,19 para 5,20 por cento. Para 2008, o prognóstico para a expansão da economia manteve-se em 4,50 por cento.

A estimativa para a taxa Selic no final deste ano manteve-se em 10,75 por cento. O mercado continua apostando que o BC manterá o juro em 11,25 por cento na reunião de janeiro.

O prognóstico para o dólar no final de 2008 permaneceu em 1,80 real.

(Por Vanessa Stelzer)