RPT-Quintão virou tiro pela culatra para projeto de Aécio em BH

terça-feira, 7 de outubro de 2008 07:32 BRT
 

(Repete matéria publicada na noite de 2a-feira)

Por Marcelo Portela

BELO HORIZONTE, 7 de outubro (Reuters) - O governador de Minas Gerais, Aécio Neves (PSDB), quer descolar sua imagem de Leonardo Quintão (PMDB), um candidato que apoiou nos bastidores da convenção peemedebista e que se tornou um obstáculo a seu projeto de eleger Márcio Lacerda (PSB) à prefeitura de Belo Horizonte.

Quintão, que foi a surpresa do primeiro turno na capital mineira, fez sua campanha ressaltando que também era aliado de Aécio, embora o governador só aparecesse na campanha de Lacerda.

Aécio afirmou na segunda-feira que participará ativamente da campanha de Lacerda no segundo turno para deixar claro que ele é o seu candidato.

"Uma pesquisa, a última que eu tive acesso às vésperas da eleição, mostrava que uma parcela expressiva do eleitorado identificava o Leonardo como o candidato apoiado pelo governador, até pela competência do discurso que ele buscou fazer", contou Aécio.

"Eu tenho respeito pelo deputado Leonardo, fez uma bela campanha, tanto que chegou com uma expressiva votação. Mas eu tenho um candidato e acredito que o que está em jogo não é apenas a vitória desse ou daquele. É a vitória de um projeto político. O Márcio representa uma aliança em convergência de forças", acrescentou.

A escolha de Quintão como candidato do PMDB teve interferência direta de Aécio na convenção do partido, afirmou o deputado estadual peemedebista Sávio Souza Cruz, que pleiteava a vaga.   Continuação...