OGX afreta plataforma para iniciar exploração

segunda-feira, 7 de julho de 2008 19:08 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A OGX Petróleo e Gás firmou acordo com a Queiroz Galvão Óleo e Gás para o afretamento da unidade de perfuração semi-submersível Alaskan Star, por um período de três anos, informou a empresa em comunicado nesta segunda-feira.

O valor do contrato, que poderá ser prorrogado por mais dois anos, não foi divulgado. A OGX observou apenas que a contratação foi feita em meio a um "mercado bastante competitivo".

"A Plataforma tem capacidade para perfurar poços de até 6.500m de profundidade, em lâmina d'água máxima de até 510m e vem, desde 1991, realizando serviços de perfuração e manutenção de poços em algumas das principais áreas das Bacias de Campos e Santos", acrescentou a OGX.

A empresa, cujas ações começaram a ser negociadas em meados de junho na Bovespa, após a realização do maior IPO da história do Brasil, afirmou ainda que se encontra "em fase avançada de negociação para a contratação de outras unidades de perfuração que, juntamente com a plataforma Alaskan Star, permitirão à companhia realizar toda sua campanha exploratória".

A OGX prevê iniciar a exploração de seus blocos no segundo semestre de 2009. As áreas foram adquiridas na nona rodada de licitações de áreas petrolíferas do governo brasileiro, no ano passado.

A unidade Alaskan Star já perfurou cerca de 188.000 metros no Brasil, tendo sido utilizada na descoberta de diversos novos campos petrolíferos no país ao longo dos últimos anos, de acordo com a nota da empresa.

(Texto de Roberto Samora)